Com salários atrasados, servidores voltam a protestar na Cidade Administrativa

Funcionários públicos reclamam do atraso da terceira parcela; eles haviam protestado na última quarta-feira (29)

WALLACE GRACIANO

Servidores públicos de Minas Gerais voltaram a cruzar os braços na manhã desta segunda-feira (3), na Cidade Administativa, na região Norte de Belo Horizonte. Reunidos em frente à Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão de Minas Gerais (Seplag), eles reivindicaram que o governo do Estado honre com a terceira parcela dos vencimentos, que estava programada para o último dia 31, mas ainda não foi paga.

Tão logo os manifestantes tomaram conta dos corredores do local, Maurício Caldas, subsecretário de Gestão da Despesa de Pessoal, dirigiu-se aos servidores para prometer que os salários serão pagos até o final da tarde. Sobre os aposentados, o dirigente prometeu que o governo irá equacionar a dívida até amanhã.

Na última quarta-feira (29), eles haviam questionado os atrasos no pagamento da segunda parcela e chegaram a paralisar as atividades no local. À época, eles retomaram o movimento somente após o assessor chefe de Relações Institucionais da Secretaria de Estado da Seplag, Carlos Calazans, prometer solucionar a questão ainda naquela tarde, o que foi cumprido.

Na mesma data, Calazans afirmou que devido aos questionamentos contínuos dos servidores sobre a escala, o governo criou uma comissão para fiscalizar o processo a partir deste mês.

“A escala de pagamento era feita somente pela Fazenda. Devido à cobrança contínua, o governador criou uma comissão. A partir de setembro, a escala será definida pela comissão com o acompanhamento de nove sindicatos do Estado”, concluiu Calazans.

Fonte: O Tempo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *