Oposição denuncia falso déficit divulgado pelo PT

Crédito: Gustavo Aureliano
Oposição denuncia farsa do governo para acusar administração anterior; déficit divulgado pelo governo Pimentel foi desmentido

Assim como a farsa das 500 obras paralisadas, o falso déficit de R$ 7 bilhões que o governo PT teria ‘herdado’ do governo anterior, também foi desmascarado pelos deputados do bloco de oposição Verdade e Coerência nesta quarta-feira (8/7), na Assembleia Legislativa de Minas Gerais. A real situação das finanças deixadas pela administração anterior pode ser verificada por dados do Banco Central e de Agências de Risco Internacionais. Em maio último, o Banco Central demonstrou que Minas foi o Estado com o maior superávit primário em 2014.

O déficit no Orçamento 2015 é de responsabilidade do PT e ocorreu em função da revisão dos índices econômicos feitos pelo governo federal e porque o Executivo mineiro cortou e escondeu receitas, entre elas o R$ 1,5 bilhão em receitas do ICMS do aumento na conta de luz, conforme denúncias do Sindifisco. Além disso, o governo Pimentel criou novas despesas, dobrou os investimentos em publicidade e inchou a máquina administrativa com a criação de secretarias e cargos de alto escalão. Em publicidade, os investimentos passaram de R$ 40,7 milhões em 2009 para R$ 96,3 milhões em 2015. O PSDB já havia denunciado a falsa divulgação do déficit em junho desse ano. Clique aqui para conferir a matéria.

A lei de responsabilidade fiscal proíbe que estados que tenham déficit contratem novas despesas de caráter continuado. Assim, se houvesse déficit não poderiam ter sido dados aumentos para algumas carreiras de servidores nem criadas novas estruturas.

A oposição também rechaçou ameaça feita pelo governo do estado de que poderia não ter recursos para pagar salários nos próximos meses. “Se o governo não tem dinheiro para pagar salários atuais, como pode estar dando aumento? Ou esta mentindo ou esta sendo muito irresponsável”, disse o deputado Gustavo Corrêa.

Os deputados do bloco da oposição também denunciaram a farsa montada pelo governo Fernando Pimentel sobre as 500 obras paradas que seu governo teria “herdado” da gestão anterior. Confira a matéria no link abaixo:

http://minasdeverdade.com.br/governo-do-pt-mente-sobre-500-obras-paralisadas-em-minas/

Assessoria de Comunicação

Bloco Verdade e Coerência – ALMG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *