TRE rejeita recurso de Pimentel e mantém desaprovação da conta de campanha por irregularidades

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) rejeitou, nesta terça-feira (22/01), recurso de Fernando Pimentel (PT) e manteve a desaprovação de contas da campanha do petista e a multa por irregularidades na contabilidade eleitoral.

Por maioria dos votos, o TRE havia desaprovado, no dia 11 de dezembro, a prestação de contas do candidato do PT e aplicado uma multa de mais de R$ 50 milhões, que corresponde a cinco vezes o que foi gasto irregularmente durante a campanha eleitoral.

Em decorrência dessa desaprovação, a Procuradoria Regional Eleitoral pediu a cassação de Fernando Pimentel e de seu vice, Antônio Andrade, por irregularidades na prestação de contas e abuso de poder econômico. Outra representação também foi apresentada no Ministério Público, no início de janeiro, por irregularidades e gastos ilícitos.

Fernando Pimentel foi o primeiro governador eleito a ter suas contas de campanha rejeitadas pelo TRE. Caso condenado, pode ser cassado e perder o mandato.

Fonte:

Hoje em Dia 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *