Um novo caminho

Estamos vivendo um momento político conturbado, no qual a busca por poder político se sobrepõe à principal função que norteia a vida pública: a busca de projetos e ações para promover o desenvolvimento e melhorar a vida da população.

Enfrentamos momentos de polarização, desconfiança e incertezas resultantes, principalmente, de uma era marcada pela tentativa de um partido político de se tornar hegemônico e se perpetuar no poder e pela irresponsabilidade de governantes desse mesmo partido na condução da economia. A soma desses fatores levou o Brasil para a pior recessão econômica e para uma das mais graves crises políticas de sua história.

A classe política, da qual faço parte, está cada vez mais em descrédito perante a população. Hoje é difícil defendê-la e convencer que ela seja capaz de cumprir o seu papel na promoção do desenvolvimento. Porém, tenho plena convicção de que não há um caminho melhor do que a democracia representativa e há políticos sérios e honestos, novos ou já experientes, que podem representar com dignidade e fidelidade seus eleitores e somar forças com os cidadãos, as empresas e as instituições para alavancar o desenvolvimento, ainda que divirjam no campo das ideias.Somente a democracia assegura os direitos de cada cidadão e somente os políticos eleitos são julgados pelos próprios cidadãos ao final de seus mandatos. Quem não é eleito pelos cidadãos está imune contra o controle e a avaliação dos cidadãos.

Em 2018 os brasileiros terão mais uma vez em suas mãos o mais poderoso instrumento para a realização de mudanças em uma sociedade democrática: o voto. Assim, mesmo com a desconfiança acumulada com sucessivas decepções, é necessário exercer esse poder, analisando bem os candidatos que se submeterão à sua escolha, pesquisando sobre as ideias que defendem e o trabalho que realizam em prol da sociedade, duvidando em dobro daqueles que se apresentam como os “salvadores do povo”. E uma lembrança importante: não se esquecendo do candidato a quem seu voto foi destinado e exigindo ao longo do mandato o posicionamento defendido por ele durante a campanha eleitoral.

Apesar de todos os erros e desatinos da nossa história recente, o Brasil e Minas Gerais possuem um potencial imenso para retomar com responsabilidade o caminho do desenvolvimento, propiciando mais oportunidades para quem trabalha, investe e estuda; assistindo quem realmente necessita de assistência e garantindo o direito dos cidadãos a serviços públicos mais eficientes.

Artigo do deputado estadual Gustavo Corrêa publicado no jornal Tudo BH em 27/06/2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *